Hora da reforma, o que diz a lei?

Hora da reforma, o que diz a lei?

Reformar ou construir um imóvel é um processo que pode gerar dúvidas em muita gente. Não é tão incomum vermos noticias sobre obras irregulares, problemas em construções, e nesse momento o nome do engenheiro sempre entra em pauta. Então, quais são os pontos que precisam ser atendidos para que obra seja desenvolvida dentro dos conformes legais em casos de construções ou remodelações, vamos conferir?

Pequenas mudanças em um imóvel, como a mudança da pintura da parede, coisas que não mexem na estrutura do imóvel, em regra, não precisam que um projeto seja feito, nem de uma documentação. Mas sempre recomendável é claro, que um profissional seja consultado, ou que essa pequena obra esteja sob a direção de uma empresa de reformas, para que você tenha o melhor resultado.

Quando é necessário um projeto?

Como dito no item anterior, pequenas mudanças não necessitam de projeto nem de documentação, mas quando a mudança for estrutural, como paredes, ou qualquer obra que comprometa a sua segurança ou das imediações, precisa ser aprovada por uma construtora ou projetista, e logo mais a expedição do laudo técnico que será feita por um engenheiro ou arquiteto e urbanista, além da autorização do proprietário.

Reformas em apartamento e outros cuidados

Realizaruma reforma em apartamento, além de todo cuidado que precisa ser tomado com o fator estrutural, há também as regras do condomínio. Em muitos condomínios há horários determinados para o inicio e o final das obras durante o dia, e os dias em que as obras podem ser realizadas. Por isso esse é um fator que é necessário ser observado. A estrutura em um apartamento não pode ser alterada. Uma construção, em regra, possui 4 elementos essenciais: fundação, pilares, vigas e lajes. Esses elementos em móvito algum poderão ser alterados em apartamentos ou edifícios.

A obtenção de alvará, como funciona?

Em regra as construções residenciais não dependem de alvará da prefeitura, mas isso pode variar e muito, conforme o munícipio e a localidade do imóvel. Os profissionais que estão responsáveis pela reforma saberão sobre a necessidade desse documento.

O alvará costuma ser necessário em locais considerados históricos, ou próximos de centros históricos, além de obras que sejam significativas. Mas como já dito, esse é um fator que pode variar bastante.

Faça sua reforma com toda segurança

Realizar uma reforma em muitos momentos pode significar dor de cabeça, ainda caso tenhamos problemas com a fiscalização. Isso sem falar que essas são regras descritas na NBR 16280, que é um compilado de normas para reformas residenciais, que visam promover toda segurança necessária na reforma de um imóvel. Buscar seguir essas regras não é seguir uma mera burocracia, e sim buscar o melhor para a segurança na reforma de seu imóvel, e nesse sentido sempre recomendamos uma empresa especializada em reformas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.