Benefícios trabalhistas

Benefícios trabalhistas: entenda porque eles são importantes para empresa

Bons salários são importantes, mas os benefícios trabalhistas também. E eles não são apenas desejáveis ​​para os funcionários, já que podem melhorar os negócios, aumentando a fidelidade, o foco, a produtividade, a frequência e o recrutamento.

Há os benefícios trabalhistas mais comuns e que são obrigatórios e previstos na CLT, e há aqueles igualmente relevantes que as organizações podem oferecer e que fazem a diferença no momento de uma contratação.

Por isso, a gestão de benefícios é um dos aspectos que os bons funcionários buscam nas empresas, e é importante ir além dos obrigatórios. Continue a leitura e entenda como os benefícios trabalhistas influenciam na reputação da empresa. 

O que são benefícios trabalhistas? 

Os benefícios trabalhistas dos funcionários de carteira assinada cobrem o pagamento indireto de sua força de trabalho. Além dos previdenciários, há também os vales e benefícios mais comuns, como cartão alimentação, transporte, combustível, seguro saúde, ou qualquer variedade de coisas oferecidas aos funcionários. 

Embora dois empregos possam oferecer exatamente o mesmo salário, eles podem variar muito em termos de benefícios, fazendo com que um ofereça uma proposta financeira melhor do que o outro. Isso destaca a importância dos benefícios dos empregados em uma oferta de trabalho.

Qual a importância dos benefícios trabalhistas?

Oferecer uma remuneração justa e baseada no desempenho é uma parte inextricável das melhores práticas de recursos humanos. Remuneração e benefícios trabalhistas vão juntos, com o primeiro cobrindo o salário de seus funcionários.

Tradicionalmente, a maioria dos benefícios costumavam se enquadrar em um dos quatro principais tipos de benefícios de funcionários:

  • Seguro médico
  • Seguro de vida
  • Planos de aposentadoria
  • Seguro de invalidez

Duas coisas se destacam imediatamente quando examinamos os benefícios que as pessoas consideram importantes. O primeiro, e talvez o mais óbvio, é o fato de que os planos de previdência ganham importância à medida que a geração envelhece. Isso é algo que faz sentido, pois, os mais novos que acabaram de entrar no mercado de trabalho, provavelmente não estarão pensando em sua aposentadoria em mais de 40 anos ainda.

Quando olhamos para os benefícios mais apreciados pelos funcionários, os cinco primeiros por geração parecem um pouco diferentes. De repente, coisas como comida e bebida e mobilidade aparecem em várias listas. E, o número um entre quase todas as gerações, no entanto, é saúde e bem-estar. Mas a lista de benefícios para funcionários continua crescendo. 

Quais os benefícios trabalhistas obrigatórios?

No Brasil, os benefícios trabalhistas obrigatórios estão previstos na Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) e, portanto, todas as empresas devem oferecer. Vamos dar uma olhada neles a seguir.

FGTS

O Fundo de Garantia por Tempo de Serviço é um benefício trabalhista que se refere a um valor depositado todo mês em uma conta bancária a qual o trabalhador não tem acesso, equivalente a 8% do salário, ou 2% no caso de menores aprendizes. 

Esse valor poderá ser retirado dessa conta somente em casos de demissão (sem justa causa), ou para compra de imóveis.

Décimo terceiro salário

O 13º salário é um benefício trabalhista que foi conquistado pelos trabalhadores, em que o valor é equivalente aos meses trabalhados com carteira assinada. Portanto, se ele trabalhou durante todo o ano, receberá o valor total do salário, que geralmente é pago no mês de dezembro.

Vale-transporte

O vale-transporte é um benefício trabalhista que deve ser fornecido para empresa quando o colaborador tiver a necessidade de se deslocar por mais de 1km para chegar até o trabalho. O valor descontado será de até 6% do salário.

Adicional noturno

Os colaboradores que possuem expediente entre 22h e 5h têm direito a uma remuneração extra e este benefício trabalhista é chamado de adicional noturno. O valor é de, no mínimo, 20% em cima do valor comum da hora trabalhada.

Férias remuneradas

Esse benefício trabalhista é dado após o colaborador completar 12 meses de trabalho e ele tem direito a 30 dias de férias remuneradas. Ele pode optar ainda por dividir esses 30 dias em três partes, mas a primeira deve conter, no mínimo, 15 dias.

Benefícios trabalhistas que as empresas podem oferecer

Como vimos, funcionários que trabalham de carteira assinada têm direito a todos os benefícios citados acima. Porém, é igualmente importante uma empresa considerar oferecer outros benefícios para os seus funcionários além dos estabelecidos pela CLT. Dessa forma, ela mostra a relevância que eles têm dentro da organização, além de valorizá-los. Confira alguns exemplos:

Vale alimentação e vale refeição

O vale alimentação substitui cestas básicas e respeita os hábitos alimentares individuais e ainda dá a liberdade na escolha dos alimentos, já que é credenciado em supermercados, atacadistas, açougues, frutarias, padarias e similares.

Diferente do cartão alimentação, o vale refeição é de uso exclusivo para compras de refeições prontas para consumo e em restaurantes credenciados.

Vale combustível

O vale-combustível, que também pode ser chamado como auxílio combustível, é um benefício trabalhista que a empresa pode proporcionar aos colaboradores, além do vale-transporte, que já é obrigatório. Com ele, cada funcionário pode abastecer em postos de combustíveis credenciados.

Isso permite que a empresa seja faturada diretamente, sem a necessidade de utilização de dinheiro, cartões de crédito pessoais ou de débito.

Plano de Saúde

Este benefício trabalhista está no topo dos mais valorizados por parte dos colaboradores, já que consiste em convênios médicos, melhorando a qualidade de vida dos funcionários e demonstrando que a empresa se preocupa com o bem-estar deles.

Plano Odontológico

Assim como o plano de saúde, este benefício trabalhista facilita o acesso do colaborador a tratamentos dentários.

Auxílio educação

O auxílio educação é um benefício trabalhista em que as empresas podem contribuir ainda mais com o desenvolvimento profissional dos funcionários dando a eles bolsas de estudos de qualificação, sejam integrais ou parciais. 

Sendo assim, as organizações podem estabelecer os mais variados tipos de benefícios para a sua equipe. De qualquer forma, é sempre vantajoso determinar esta política na empresa. Veja o porquê logo abaixo.  

Quais as vantagens em oferecer benefícios trabalhistas?

Como vimos, acabaram os dias em que pacotes de benefícios trabalhistas para funcionários com plano de saúde e previdência básica eram suficientes para colocar candidatos a trabalhar para você. 

Os candidatos e funcionários de hoje esperam benefícios no trabalho, benefícios para sua saúde, segurança financeira e equilíbrio entre vida profissional e pessoal. 

Vale lembrar que é de responsabilidade do RH, em conjunto com a diretoria da empresa, avaliar as melhores opções de benefícios trabalhistas para serem ofertados na empresa.

Portanto, se você deseja obter uma vantagem competitiva, deve certificar-se de escolher os melhores benefícios para funcionários adequados à sua força de trabalho.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *